DestaqueNewsNotícias

Milei pede atenção de fiscais na apuração dos votos na Argentina


Na disputa pela Presidência da Argentina, o o candidato Javier Milei enviou uma mensagem aos fiscais de seu partido que acompanham a apuração dos votos. A votação foi encerrada às 18h e, em seguida, foi iniciada a apuração preliminar. Seu opositor é o governista Sergio Massa, atual ministro da Economia.

“Quero agradecer a todos os procuradores pelo empenho e dedicação neste dia histórico. Sinto-me abençoado por ter seu apoio e carinho. As horas mais desafiadoras são as que estão por vir, o Kirchnerismo vai usar todas as suas forças para nos enganar na contagem. Peço que fiquem nas escolas, defendam os votos, é o momento da verdade. Obrigado e viva a liberdade!”, escreveu.

Milei tem 53 anos, é deputado federal e economista. Em agosto, ele venceu as primárias e era tido como favorito, mas acabou como segundo colocado no primeiro turno.

O candidato tem o apoio da direita, no Brasil encabeçada pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL). Um dos filhos do presidente, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP), chegou a ir para a Argentina no dia 22 de outubro para acompanhar o primeiro turno.


0

Milei se intitula “anarcocapitalista” faz parte coalizão política Liberdade Avança. Ele tem propostas econômicas de redução dos gastos públicos e fechamento do Banco Central, mas são as posições polêmicas que geram maior debate.

Assim como Bolsonaro, ele é favorável à liberação da posse de armas e contra o aborto, que é legal no país, e também propõe o comércio de órgãos humanos e o fim da educação escolar obrigatória.



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WeCreativez WhatsApp Support
Queremos ouvir você! Ajude o Brasília Online a ficar com a sua cara.
👋 Mande sua mensagem, notícia, elogio, reclamação ou dúvida sobre anúncio